Pensamento computacional é a habilidade de mobilizar os conhecimentos para solucionar os problemas com eficiência e tem como características o reconhecimento de padrões, decomposição, representação de dados, generalização, abstração e algoritmos.

Ao contrário do que se prega, o pensamento computacional se encaixa, sim, em todas as áreas do conhecimento e não apenas em determinadas disciplinas como matemática.

Nas humanidades, por exemplo, auxilia a planejar e construir narrativas.

Como inserir o pensamento computacional na sala de aula?

Neste episódio, a educadora e jornalista Sandhra Cabral, editora do portal Educar para Ser Grande bate um papo sobre essa temática, aqui no Roda de Conhecimento, comTatiana Mendes, pedagoga, especialista em educomunicação, head de tecnologias Educacionais da Escola Lourenço Castanho.

Ouça o episódio, comente, compartilhe com amigos e, se gostar, siga o perfil do Roda de Conhecimento no Spotify.

Indicações de leitura:

– site do pensamento computacional brasileiro, que traz repositório de atividades plugadas e desplugadas para a sala de aula.

 – Cieb_repertório interessante desde educação  infantil para se trabalhar o pensamento computacional.

O Roda de Conhecimento é um produto do Educar para Ser Grande e tem produção e apresentação de Sandhra Cabral com trabalhos técnicos de Léo Engelmann.

Para mais informações sobre educação visite o portal e as redes sociais do Educar para Ser Grande.

Para palestras, consultoria e cursos de atualização profissional de professores e lideranças, entre em contato conosco pelo email: sandhra@educarparasergrande.com.br


Os boletins do Educar para Ser Grande vão ao ar em três edições diárias, de segunda a sexta, nas rádios Difusora AM 570 e na 99 FM, no Vale do Paraíba!

Quer saber mais sobre educação?

Contate-nos: sandhra@educarparasergrande.com.br

Deixe um Comentário